Maria Inês Dolci

Defesa do Consumidor

 -

A advogada Maria Inês Dolci é coordenadora institucional da ProTeste. Atua há mais de 20 anos na área de defesa do consumidor e é autora e coautora de várias publicações na área.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade

Alta na conta de luz

Por Maria Inês Dolci

Bom ir preparando o bolso pois aquele desconto da energia vai se tornar totalmente sem efeito com as tais bandeiras tarifárias que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai adotar. Na prática é sistema que permite repassar ao consumidor, já no mês seguinte, a diferença entre o valor da tarifa e o custo da geração de energia das usinas termoelétricas.Quando o nível dos reservatórios estiverem baixos, haverá a utilização da energia termelétrica que é mais cara, portanto a bandeira vermelha será acionada, o que significará para o consumidor pagar por uma tarifa mais cara no próximo mês. A partir do dia 1º de junho, os consumidores de energia elétrica deverão ser informados em suas contas de luz sobre o custo de geração da energia que está sendo usada. As bandeiras tarifárias (verde, amarela e vermelha) indicarão se a energia custará mais ou menos, em função das condições de geração de eletricidade.A aplicação das bandeiras tarifárias deverá ser efetivada pelas distribuidoras do país a partir de janeiro de 2014.

Blogs da Folha

Mais acessadas

Nada encontrado

Categorias

Publicidade
Publicidade
Publicidade