Maria Inês Dolci

Defesa do Consumidor

 -

A advogada Maria Inês Dolci é coordenadora institucional da ProTeste. Atua há mais de 20 anos na área de defesa do consumidor e é autora e coautora de várias publicações na área.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Cautela com os feirões de imóveis

Por Maria Inês Dolci

Com a propaganda maciça sobre queda de juros o brasileiro tem que tomar cuidado para não se endividar, principalmente deve ter cautela antes de assumir financiamento de longo prazo, como o imobiliário. A Caixa está com uma ofensiva, até dia 10 de junho, em 13 cidades, com oferta de mais de 430 mil imóveis. A maior atração desses feirões são as novas taxas de juros que caíram de 10% para 9% ao ano, para imóveis que custam até R$ 500 mil e financiados pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH). Os juros podem chegar a 7,9% ao ano aos clientes com conta salário no banco. Por mais que os juros estejam caindo o consumidor não pode tomar uma decisão precipitada para não assumir compromissos cujo orçamento familiar não comporte. É preciso planejamento para assumir um financiamento de longo prazo, e fazer bem as contas sobre todos os custos embutidos no valor das parcelas a serem pagas no período, para avaliar se cabe no bolso.

Blogs da Folha

Mais acessadas

Nada encontrado

Categorias

Publicidade
Publicidade
Publicidade