Maria Inês Dolci

Defesa do Consumidor

 -

A advogada Maria Inês Dolci é coordenadora institucional da ProTeste. Atua há mais de 20 anos na área de defesa do consumidor e é autora e coautora de várias publicações na área.

Perfil completo

Publicidade
Publicidade

Sacolinhas na berlinda

Por Maria Inês Dolci

Diante da polêmica da substituição de sacolas plásticas comuns por biodegradáveis e que passaram a ser cobradas pelos supermercados de São Paulo, o Procon São Paulo decidiu se posicionar. Entende que os estabelecimentos devem oferecer uma alternativa gratuita para que os consumidores possam finalizar a compra de forma adequada. E na ausência de opção gratuita como caixas de papelão, por exemplo, deverá ser fornecido gratuitamente a sacola biodegradável, respeitando assim o Código de Defesa do Consumidor (CDC). Tudo bem que a iniciativa é para melhorar o meio ambiente, mas cobrar 19 centavos por sacola que antes era de graça é usar marketing para no fundo lucrar mais.

Blogs da Folha

Mais acessadas

Nada encontrado

Categorias

Publicidade
Publicidade
Publicidade